Arquivo do blogue

terça-feira, 10 de maio de 2016

Farman F-40












Farman F-40



Fabricados pela francesa Société Maurice Farman Henri, foram utilizados pela Aeronáutica Militar entre 1916 e 1920.

Das cinco aeronaves recebidas, três foram enviadas para Mocímboa da Praia – Moçambique, constituindo as primeiras aeronaves militares portuguesas em território africano.



08 de setembro de 1917




O Farman F-40 - Matrícula F-3, recém chegado a Moçambique foi destruído em colisão contra o terreno em Mocímboa da Praia, na sequência de uma volta mais apertada, com a morte do Alferes Jorge Gorgulho. É historicamente referido como a primeira vitima mortal na história da aviação militar em Portugal.






07 de dezembro de 1917


O Farman F-40 tripulado pelos Tenente António Caseiro e Tenente Coronel Martins Lima é atingido por disparos de armas ligeiras em Lisboa, na zona do parque Eduardo II, tendo caído perto do Areeiro. Na queda faleceu o Tenente Coronel Martins Lima, o piloto Tenente António Caseiro ficou ferido com gravidade, tendo acabado por falecer no dia 13 de dezembro no hospital da Marinha em Lisboa.



Jornal A Capital 

Jornal A Capital 



Bibliografia consultada e recomendada 

 

  • Abecasis, José Krus - Bordo de Ataque – Memórias de uma caderneta de voo e um contributo para a história, I e II volumes - Coimbra Editora – 1985
  • Abreu, Luísa e Ventura, Pedro - De Havilland DHC-1 Chipmunk – 60 Anos de Memórias – FAP
  • Andrade, John M. - Spanish and Portuguese Military Aviation - Midland Counties Publications - 1977
  • C 212 Aviocar, Ao Serviço de Portugal desde 1974 -  Esquadra 401 – FAP – 2011
  • Cann, John P., Plano de Voo Á Africa, O Poder Aéreo Português na Contrassubversão 1961-1974, Comissão Histórico-Cultural da Força Aérea, Maio 2017
  • Cardoso, Edgar Pereira da Costa - História da Força Aérea Portuguesa - volumes I, II e III – Edição Cromolor – 1981/1984
  • Cardoso, Adelino - Aeronaves Militares Portuguesas -  Essencial, 2000
  • Cardoso, Adelino - Aeronaves Militares Portuguesas, Cem Anos de Aviação em Portugal - Fábrica das Letras, Lda. – 2009
  • Carvalho, António C. Mimoso e Tavares, Luís Armando Duarte - Fiat G91 20 Anos na Força Aérea Portuguesa -  Edição dos autores
  • Coutinho, Alexandre e Garcez, André e Mata, Paulo - F-16 Falcões e Jaguares - Edição Autores – 2011
  • Coutinho, Alexandre - Alouette III na Força Aérea - Contra a Corrente - 2013
  • Dez Décadas de Força Aérea – Centenário da Aviação Militar Portuguesa – Comissão Histórico-Cultural da Força Aérea - By the Book – 2016
  • Domingues, Rui e Ferreira, José e Araújo Filipe - T – 6 Lusitanos - Núcleo de Modelismo de Espinho – 2011
  • Fraga, Luis Alves, A Força Aérea na Guerra em África – Angola, Guiné e Moçambique, 1961-1974, Editora Prefácio, 2004
  • Granja do Marquês – Berço da Aeronáutica Militar Portuguesa, Força Aérea Portuguesa, 2009
  • Lopes, Mário Canongia e Costa, José Manuel Rodrigues - Aviões da Cruz de Cristo, 75 anos da Aviação Militar em Portugal – Dinalivro – 1989
  • Lopes, Mário Canongia - Spitfires e Hurricanes em Portugal – Dinalivro - 1992
  • Lopes, Mário Canongia - Os Aviões da Cruz de Cristo – Dinalivro - 2000
  • Panado, Juan Carlos - Casa Aviocar C-212 - Reserva Anticipada Ediciones - 2004
  • Rosado, José Paulo - T – Bird – Lockheed T-33 – Força Aérea Portuguesa - Edição do Autor - 1994
  • Tadeu, Viriato, Quando A Marinha Tinha Asas – Anotações para a História da Aviação Naval Portuguesa 1916-1952 - Edições Culturais da Marinha - 1984
  • Tavares, Luiz Armando e Soares, Armando Jorge - Portuguese Fighter Colours 1919 – 1956 – MPMBooks - 2016;
  • Jornais diários diversos, principalmente Diário de Lisboa, Diário Popular, Jornal A Capital, Diário de Notícias, 
  • Revistas:
    • Ilustração Portuguesa, diversos números


2 comentários:

  1. No museu do Mosteiro da Batalha existe uma maqueta com os seguintes dizeres: "Maqueta do avião Caudron G3 em que perdeu a vida o Alf/aviador Jorge Gorgulho (20 de Agosto de 1917)"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela sua participação, mas, infelizmente, a informação prestada na maqueta não se encontra correta.
      Foi de facto num Farman F-40 que o Alferes Jorge Gorgulho perdeu a vida.

      Eliminar

Morane Saulnier MS 233

Construídos nas Oficinas Gerais de Material Aeronáutico sob licença da Francesa Morane Saulnier, os 16 aviões serviram a Aeronáutica Mi...